Pages

.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Gata Prenha

Como saber se a gata está prenha? 

É importante saber detectar os sinais de gravidez. Só ao fim de cinco semanas de gestação se começa a notar sinais exteriores: o abdómen apresenta-se mais inchado e os mamilos podem aumentar e tornar-se rosados. Ao fim de nove semanas, consegue-se, inclusive, chegar a observar os movimentos dos gatinhos dentro da barriga da mãe. Para além disso, é natural que a gata se torne mais ternurenta e, evidentemente, que adquira maior apetite. 

Alimentação?

As gatas prenhas ficam mais carentes de afecto e com mais fome. Aproveite para reforçar a alimentação neste período. A ração (que deve ser de excelente qualidade) pode ser substituída pela de bebes que contenha vitaminas e uma quantidade de elementos que farão a mãe e a cria ficarem saudáveis, auxiliando na produção do leite. Essa ração pode ser ministrada até 60 dias depois do nascimento das crias. É o tempo que a mãe vai amamentar e o gatinho começa a alimentar-se da ração. 

A escolha do ninho? 

É muito comum as gatas procurarem cantinhos para terem os seus gatinhos. Uns dois dias antes do parto, o local é escolhido e não adianta mudá-lo. O importante é que o local seja preservado para que a gata não tenha de sair no momento do parto. Uma solução é ter preparado um ambiente calmo e sem claridade, sem movimentação ou correntes de ar, como uma caixa (os gatos adoram caixas de papelão) e habituar a sua gata a ficar aí. 

Chegado o grande dia! 

O nascimento ocorre, normalmente, entre 73 e 76 dias após o acasalamento. Caso lhe seja ímpossIvel fazer contas, será melhor guiar-se pelo

comportamento que a sua gata apresente nesse dia: a par de um comportamento irrequieto e hesitante, ela dará provas de uma ternura quase excessiva e pouco usual. A súbita perda de apetite e um aumento de idas ao caixote das necessidades são outros sinais quase evidentes. No momento em que a sua gata escolhe o "ninho" e começa a ter os seus gatinhos, a única coisa que precisa fazer é assistir calmamente e ver se corre tudo bem. À partida, não será necessária a sua intervenção; de qualquer forma, convém ter sempre o contacto de um veterinário por perto. É apenas necessário ter alguns panos limpos para deixar que absorvam os líquidos e secreções do nascimento. 

Os primeiros tempos! 

Não são muito complicados nem muito trabalhosos, visto que, mais uma vez, a zelosa mãe se encarrega de quase tudo: alimentação, limpeza e até disciplina. Assim, mais uma vez, a sua preocupação deverá ser apenas com a mãe, visto que uma gata que amamenta necessita de uma maior quantidade de comida e de líquidos.

0 comentários:

Postar um comentário